Investir em educação para alavancar a sua carreira

     A educação financeira é uma área que exige constante estudo de cada um de nós. Há muitos excelentes profissionais compartilhando muitas informações interessantes sobre investimentos em renda fixa e variável, como se livrar das dívidas, sobre matemática financeira, mesada, mas poucos fazem o paralelo entre educação financeira e carreira profissional.

     Eu gosto muito de acompanhar os conteúdos, por exemplo, do Leandro Ávila do Clube dos poupadores (https://www.clubedospoupadores.com), do Rafael Seabra do blog Quero Ficar Rico (https://queroficarrico.com/blog/) e do André Massaro (http://www.andremassaro.com.br/). Eles trazem muitas informações sobre educação financeira e o impacto que ela traz em nossas vidas e das pessoas que amamos.

     Muitas vezes escrevemos sobre como funciona um determinado produto financeiro, sua rentabilidade, hábitos de consumo, orçamento financeiro, etc, mas escrevemos muito pouco sobre carreira. É claro que há muitos especialistas em carreira profissional que já tratam desse assunto, mas uma coisa não exclui a outra. Pelo contrário, imagine o quanto a sua vida pode crescer exponencialmente e seus rendimentos serem alavancados sendo um profissional cada vez mais valorizado e sabendo investir e administrar suas finanças. A Catho publicou uma pesquisa (denominada Pesquisa Salarial) em janeiro deste ano (2018) onde mostra que, em casos de profissionais pós-graduados que atuam em cargos de coordenação podem ter seus salários aumentados em até 53,7%. Já com um mestrado ou doutorado, o valor pode subir até 47,4%. Já para os executivos há um grande diferencial no salário entre os que possuem uma formação específica como a pós-graduação ou um MBA daqueles que não a possuem. Essa diferença chega a 47,2%. E aqueles que estão no nível operacional, concluindo um curso de graduação o aumento pode ser de até 25% em relação àqueles que não têm nível superior.

     Por que estou apresentando esses números? Porque algumas pessoas que me procuram pedindo dicas sobre como fazer para ganhar mais ou para crescer na carreira e eu sempre respondo com duas perguntas:

  1. O que você está fazendo de diferente dos seus colegas de trabalho?
  2. O que você está estudando atualmente?

    É comum eu obter como resposta “Aqui onde eu trabalho não me valorizam.” ou “Eu já trabalho tanto que à noite ou nos finais de semana eu só quero descansar e nem quero pensar em trabalho. A empresa que deveria me dar treinamento durante o expediente.“. É claro que trabalhamos muito e que é importante as empresas investirem em seus funcionários, mas precisamos entender que cada um de nós é como uma empresa que presta serviços para um cliente. Se somos assalariados, o meu cliente é a empresa que eu trabalho e quanto mais eu investir em mim mesmo, mais valor e entrega eu gero, logo mais empresas se interessarão em mim. Quanto mais valor eu entrego, mais dinheiro eu vou ganhar. Ganhando mais dinheiro, mais investimentos eu posso fazer e mais sonhos posso realizar.

     Por isso, o foco de todo profissional que está atento com a sua carreira e com os movimentos do mercado, deve constantemente estar se aperfeiçoando. Façamos um paralelo com o mundo do esporte. O jogador de basquete Oscar uma vez deu uma entrevista para um programa de TV e disse que quando acaba o treino, enquanto os outros jogadores iam para suas casas, ele continuava na quadra treinando arremessos. A mesma postura tinha o jogador de futebol Pelé. Enquanto os outros jogadores iam tomar banho no vestiário, ele ainda estava no campo batendo bola, correndo de um lado para o outro. Por isso, foram craques em suas épocas e são reconhecidos até hoje como os melhores jogadores de suas modalidades. Essas histórias me dão orgulho e inspiração para continuar todos os dias aperfeiçoando minhas habilidades. Claro que surgem situações em que tomamos decisões equivocadas, mas também são oportunidades para avaliar a situação e aprender com esses erros. Mas, fico muito triste quando um profissional me fala que merece ganhar mais, mas não se arrisca, há anos não estuda mais nada, não é destaque no seu departamento, reclama todos os dias da empresa e do chefe, e ainda colabora para espalhar as notícias negativas da “rádio-peão”.

     A mensagem final que eu deixo aqui é que você nunca pare de aprender. Faça cursos profissionais da sua área ou daquela que você almeja iniciar e faça treinamentos treinamentos sobre educação financeira. Seja presencial ou on line. Leia artigos e livros. Assista e siga canais do YouTube que tratam deste assunto. Não há desculpas para não aprender. Lembre-se que a vida é curta e cada minuto que gastamos precisa ter algum significado importante. Precisa agregar algo na sua vida e gerar histórias emocionantes para os seus filhos e netos.

3 comentários em “Investir em educação para alavancar a sua carreira”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s